Polícia

Atualizado em Quarta-Feira, 03/07/2013
Por: Maíra Gioia

Perita do caso Tayná afirma que corpo não apresenta sinais de violência

Foto: Reprodução Facebook

compartilhe

A perita Jussara Joéckel afirmou durante entrevista para emissoras de televisão e também sites de notícia que o corpo da garota Tayná Adriane da Silva, de 14 anos, não apresentava indícios de violência, já que, segundo a perita, o corpo foi encontrado com as roupas alinhadas, ou seja, a conclusão dela é de que as roupas foram colocadas pela própria Tayná. Ainda segundo as declarações dadas pela perita, não havia sinais de luta corporal, comum neste tipo de crime.

Artigos Relacionados

Jovem de 17 anos desaparecida em Fazenda Rio Grande é encontrada pela Polícia

A garota, que é deficiente visual, disse à Polícia que foi decisão dela fugir com o homem...

Polícia procura por suspeito de ter sequestrado jovem de 17 anos em Fazenda Rio Grande

Suspeito se passou pelo pai da menina para levá-la da escola. Jovem é portadora de deficiência vi...

Suspeitos de venderem drogas em festas raves são presos em Piraquara, na região metropolitana

Com eles, a polícia encontrou 310 comprimidos de ecstasy e 50 gramas de cocaína...

Suspeitos de explodirem caixas eletrônicos são presos em Curitiba

Policiais receberam denúncias de que os criminosos estariam escondidos em uma casa na CIC...

comments powered by Disqus
  • Ao Vivo
Curitiba 90.1FM
  • NO AR Jornal da CBN
  • 09:00 CBN Curitiba 1ª Edição
OK

Mais Acessados

Paraná

Sem acordo, professores da rede estadual de ensino decidem manter a greve

...

Polícia

Jovem de 17 anos desaparecida em Fazenda Rio Grande é encontrada pela Polícia

A garota, que é deficiente visual, disse à Polícia que foi decisão dela fugir com o homem...

Política

Segundo dia da greve dos professores terá nova rodada de negociações

A paralisação atinge pelo menos 75% das escolas da rede estadual, total ou parcialmente...

Política

Câmara Federal quer informações sobre as obras da Copa do Mundo no Paraná

Além da Arena da Baixada, as cinco obras de mobilidade urbana ainda não foram finalizadas...